sexta-feira, 15 de junho de 2012

Cervejas internacionais na Cervejaria Original

A mamata do feriadão começou o mais rápido possível. Às 19 horas nos direcionamos ao Shopping Beira Mar, com alguns objetivos em mente. Um deles era aproveitar o happy hour do recém-inaugurado Outback. Apesar de ter aberto suas portas há mais de um mês, o bar vive lotado e para conseguir uma mesa vaga, por enquanto, só se estiver disposto a esperar na fila. Nesse dia, havia 20 mesas antes de nós dois. Obviamente não nos prestamos à isso.

Com o carro já estacionado no shopping, a ideia foi atravessar a rua e curtir a noite na Cervejaria Original, já falada aqui.

Renunciei as mesas da área externa, pois estava frio. Buscamos uma mesa no primeiro salão e metade dele estava com plaquinha de reserva. Duas ou três mesinhas pequenas encostadas na parede ou bem em frente a porta eram as opções. Como baratas tontas, voltamos ao primeiro lugar negado: área externa.

Apesar da temperatura baixa, Claudio não abriu mão da cerveja. Fui parcialmente sem personalidade e disse "tá, eu também". Digo parcialmente, pois as cervejas escolhidas não foram quaisquer umas.

O namorado, que já morou na Alemanha, viveu segundos de nostalgia ao se deparar com o nome Franziskhaner no cardápio. Escolheu uma Dunkel da marca, mas estava em falta. Foi, então, de Franziskhaner Weissbier (500ml) ao preço de 12 reais e 90 centavos. O ícone cervejeiro veio geladinho, mas infelizmente foi servido em um copo não propício para uma cerveja de trigo. Cervejas weiss pedem copos grandes e altos para que os resíduos não se precipitem.

Continuando a onda de degustar e não de encher a cara, quis inovar. Hoegaarden (330ml - R$10,90) foi a minha opção. Também de trigo, mas diretamente da Bélgica. Provei as duas, e para mim o Claudio foi melhor na escolha.

Às 21h começou a música ao vivo com um grupo musical tocando samba. Gostei bastante que, apesar do ritmo animado, o som estava em uma altura tranquila para conversar, pelo menos ali onde estávamos.

Como não é só de líquido que vive o ser humano, tratamos de encontrar alguma gordurice para satisfazer nossas barrigas esfomeadas. Foi difícil! Achei interessante que encontrei no cardápio do bar o Pecado Original, que na verdade é o mesmo prato que comi no Duun African Bar - mesmos donos. De picanha, calabresa e afins, paramos os olhos na carne seca acebolada (R$33,00) e polentinha frita (R$16,90).







A polenta não tinha como estar melhor. Crocante por fora, macia por dentro e coberta com parmesão. É uma oferenda dos deuses a nós, pobres mortais. A carne seca veio lindona numa tábua, acompanhada de pão de trigo, farofa e vinagrete. Uma refeição! Desde então sabíamos que não daríamos conta de acabar com ela.

Como de se esperar, a carne seca estava salgada. Estava boa, mas aqui há um porém: muito, mas muito salgada. Garanto a vocês que se não tivéssemos o pãozinho (pedimos mais um) e a polenta, estaríamos sofrendo com a língua cheia de sal.

Terminamos nossas cervejas de trigo e fomos mais tradicionais com o pedido de uma argentina Quilmes.

Nossa noite foi super feliz. Pagamos a conta de R$105 e nos despedimos do Original e do Centro, e partimos rumo à Praia Brava.


Ambiente: ♥♥♥♥
Atendimento: ♥♥♥
Preço: $$$
Sabor: ♥♥♥


Cervejaria Original
Endereço: Rua Altamiro Guimarães, 126 - Centro. Florianópolis/SC.
Telefone: 3034-7900
Horário de funcionamento: Segunda a Domingo, a partir das 18h
Estacionamento: Não
Aceita cartão: Sim

5 comentários:

  1. Lara de Bruchard Costa15 de junho de 2012 16:46

    Nhaaam, as comidas pareceram boas!
    Mas carne salgada ninguém merece ;/ hunf!

    E realmente, se teu namorado morou na Alemanha, deve ter provado muitas cervejas, hehehe. E se ele deu uma passadinha na Bélgica, também. Lá na Bélgica tem um bar com muitos tipos de cerveja (não lembro quantos, mas eram muitos). Ias amar lá. Até EU tomei uma cerveja lá, hahaha!
    Beijos!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Larinha tomando cervejaaaaa! Adorei hahahah. Sim, sim... Dá de ver que ele ama cerveja, né? Essa era uma delícia mesmo. A Belga era boa também, mas nada especial. Beijoquitas

      Excluir
    2. Lara de Bruchard Costa15 de junho de 2012 23:12

      Siiim, cerveja doce, de cereja se não me engano!!
      Beijinho!!

      Excluir
  2. hummmm mesmo no friozinho, a cerveja ajuda a esquentar! adorei a escolha das cervas! fotos lindas!

    http://deliciasdaisa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mesmo com o friozinho não abrimos mão da cerveja, rs.
      Bjs

      Excluir