segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Sushi Yama e seu tataki de atum

A era dos restaurantes japoneses demorou para chegar em Florianópolis. Lembro-me muito bem do público restrito que frequentava o Miyoshi, Sushi Yama e o chinês Lai-Lai. O povo definitivamente tinha preconceito com peixe cru e sequer se atrevia a comer cogumelos. Ainda bem que as coisas mudaram e assim essa culinária exótica para muitos, mas com gosto de infância para mim, foi bem aceita pelos florianopolitamos e catarinenses em geral, mesmo não sendo a cozinha mais democrática que exista, afinal, o valor de um jantar japonês está longe de custar o preço de um prensadão.

O problema, se é que posso chamar assim, é que a quantidade de restaurantes japoneses inflacionou. Até aí tudo bem, porque pode ser considerado interessante encontrar um japa em qualquer lugar, certo? Errado. Em "qualquer lugar" se encontra "qualquer um". Quem sabe apreciar uma verdadeira comida japonesa não se contenta em comer em qualquer lugar. É dever nosso, como clientes, de defendermos pelos bons e prezarmos para que eles continuem ativos oferecendo produtos legítimos. Sei que nem sempre dá para desembolsarmos uma nota preta, mas, ter como hábito ir no buffet ou festival x só pelo preço, por ser o mais barato? Não reclame depois que faltam boas opções na cidade, pois, a culpa será sua, toda sua.

Falo isso, porque muita gente me diz que ama sushi e blá-blá-blá, só que quando começo a perguntar "-você já foi nesse?": Não. "-E nesse?". Não. Pois, é. Um desses que costumo indicar é o Sushi Yama, restaurante japonês que construiu história na Ilha e para quem gosta de sushi de verdade. Pela demanda, o proprietário aceitou participar do esquema de festival, mas, desde 1º de outubro, não trabalham mais, mas contam com buffet livre ou peso, muito embora os pedidos à la carte ainda sejam a alma do restaurante. Aqui vai uma boa dica de onde comer sushi em Floripa.

Como pede a tradição, tudo se inicia com toalhinhas quentes e úmidas para higienizar as mãos. Para beber, uma boa escolha é a sakerinha de morango deliciosa. Peçam para colocarem bastante gelo que não irão se arrepender.




Sashimis de salmão nunca podem faltar. Gosto que os sushimen do Sushi Yama não passam a faca reta, mas, deitadinha, deixando a carne sempre mais macia. Sabem quando parece que derrete na boca? Outras maravilhas são os uramakis philadelphia, hot, shimeji...




Mas, o ponto em que quero chegar é aqui: Tataki de atum. A começar pela apresentação, né? Coisa mais linda! Todo arrumadinho, colorido e tal; aqui se come primeiro com os olhos. O atum é levemente tostado nas bordas e leva um tempero muito bom de pimenta japonesa, além de shoyu com gengibre, limão e outro toque especial. Super leve e gostoso. Anote a dica do Saboreando e depois comente o que achou.



Não poderia deixar de falar sobre o atendimento nota dez, bastante comum no Sushi Yama. Adoro como nos fazem sentir bem atendidos e à vontade ao mesmo tempo.

O jantar com mais três cervejas custou 115 reais.


Ambiente: ♥♥♥♥♥
Atendimento: ♥♥♥♥♥
Preço: $$$$$
Sabor: ♥♥♥♥♥

Endereço: Rua Laurindo Januario da Silveira 68 - Canto da Lagoa. Florianopolis – SC
Telefone: 48 3232-8612
Horário de funcionamento: Sábado e domingo: 12 h as 15h30 min. Domingo a quarta-feira (Não abre segunda): 19 h as 23h30min. Quinta-feira a sábado: 19 h a 0 h.
Estacionamento: Sim
Aceita cartão: Sim

2 comentários:

  1. adoro o sushi yama, sempre saio satisfeita de lá!!

    Carla Amorim.

    ResponderExcluir