quarta-feira, 4 de abril de 2012

Posto da Alfândega / Sambaqui - Domingo disfarçado de sábado





Num domingo à tarde, fui encontrar com minhas amigas no Sambaqui. Dessa vez, o lugar escolhido foi um restaurante depois do Restinga (já visitado aqui) e do Pitangueiras (leia mais) o Posto da Alfândega. O lugar é, assim como qualquer espaço do bairro, uma delícia. Área externa ou interna, você escolhe. Como o outono já se pronunciou com ares gelados, ficamos no salão e por ali permanecemos por quase 5 horas.








 Nos sábados e domingos, das 13h às 17h, há música ao vivo. Do lado de fora dava para ouvir a cantoria. Abri a porta do espaço e fui recebida pelo gerente, Vino, um senhor muito bem humorado e atencioso.

Era 16:30hr e a casa estava movimentada, com a maioria dos clientes desfrutando da área externa. Quando cheguei, o pessoal (estávamos em seis) já estava aperitivando lulas à dorê (R$26,00) e isca de peixe com fritas e molho tártaro (R$22,00). Não comi e fiquei na cervejinha (R$6,80) que rolava na mesa.

Acho difícil beber e não comer nada. A cerveja desce na minha garganta e grita: "fritura, por favor". Bisbilhotei o cardápio e cheguei no meu pedido: porção de pastel (sabores: camarão, queijo, siri e berbigão)  de camarão (R$15 - 3 unidades), que foi dividida com mais duas amigas. Enquanto o aperitivo não chegava, mais cervejas.

A massa do pastel estava exageradamente crocante, quase dura, sabem? Sorte que o recheio sobressaltou esse erro.

Lá pelas tantas, duas garrafas de Espumante Miolo Terranova Brut (R$44,00) e outra de Espumante Miolo Terranova Moscatel (R$44,00). Bebida é uma coisa engraçada, some tão rápido sem se despedir. Acabamos com os espumantes rapidinho e voltamos para a cerveja.

E aí que mandamos ver em mais uma porção de camarão à milanesa e repeteco da isca de peixe com fritas.






Apesar de termos ficado apenas no aperitivo, a casa também trabalha com pratos bastante elogiados, como o Camarão na moranga (R$89) e Sequência de camarão a 109 reais para duas pessoas.

A noite foi chegando, a música ao vivo acabou, mas Vino continuava sorridente. Pedi para ele colocar um som mais animado, porque já estávamos bem alegres.

Ganhamos sobremesa de cortesia (Valeu, Vino!) e permanecemos ali até depois do horário da casa fechar. Para encerrar, amigos guerreiros empurraram uma cachacinha de canela para dentro e mostraram que não estavam para brincadeira.

Hora de nos despedir do restaurante e do pessoal continuar no embalo, mesmo sendo domingo à noite. A conta fechou em R$384, ou seja, 64 reais para cada um.


 



Pode parecer, mas a vida continua.



Ambiente: ♥♥♥♥
Atendimento: ♥♥♥♥♥
Preço: $$$
Sabor: ♥♥♥

Posto da Alfândega
EndereçoRodovia Rafael da Rocha Pires, 2919 - Sambaqui. Florianópolis / SC.
Horário de funcionamento: Terça - Sábado das 11h às 23h. Domingo das 11h às 18h.
Telefone: (48) 3335-0178

8 comentários:

  1. Hahahahahahaha amigos guerreiros... Prazer, Guerreira. Adorei o dia e o post! Beijo Brenda.

    ResponderExcluir
  2. Adoro esse restaurante...vou desde sempre hehe, o dono é super amigo da minha mãe e eles sempre estão por lá! O lugar realmente é uma delícia e dá vontade de ficar um tempão mesmo! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo!! E brigadinha pelo update, salvou a pátria hahah. Bj

      Excluir
  3. Já fui lá Pri, as friturinhas são muito boas. O pastel eu achei bom tb. Lugar delicioso para se reunir em turma. beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Passar o dia inteiro por lá é muito bom!
      Beijão

      Excluir
  4. Pri, eu nunca tinha ouvido falar nesse restaurante (estou surpresa até),
    qualquer dia passarei por lá!
    beber no domingo não dá, segunda é dia de estudo e trabalho minha gente!!!!
    ai ai ai hahaha
    beijinhos bela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É? Eu já tinha ido várias vezes, mas nunca me liguei no nome... Aí quando me disseram onde era o tal "Posto da Alfândega" juntei o quebra-cabeças hahah. Beijão

      Excluir