sexta-feira, 19 de julho de 2013

Um belo almoço na Costelaria Ponta d'Agulha



Estava devendo este post para vocês. Em março registrei minha visita com minha família à Costelaria Ponta d'Agulha, localizada às margens da SC-401, no sentindo de quem está indo do Centro para as praias.

É provável que se você for ao restaurante para almoçar em um final de semana, precise esperar. O sinal é que isso não é de agora, não, é desde quando a Costelaria abriu suas portas, o que indica que algo de bom há, pois, já não é mais novidade. Por sorte, no sábado em que estivemos lá, havia acabado de vagar um mesa quando chegamos. Há opção de sentar na área interna ou externa, em mesas com bancos de madeira. Eu acho a parte de fora bem bacaninha, porém, estava um calorão daqueles e seria impossível almoçar à vontade se suor escorresse pelo corpo.

O sistema é à la carte: cliente escolhe a carne e a quantidade de acordo com quantas pessoas irão comer, acompanhamentos e entradas.

Um fundamento que carrego comigo é de, na primeira visita, sempre optar pela especialidade da casa. Portanto, ir à Costelaria Ponta d'Agulha e não pedir, à priori, uma costela, seria uma gafe tremenda. Sei que existem pessoas que têm preconceito com esse corte. Sei, mas não consigo entender.

Pedimos uma Costela Janela, preparada em 8 horas de brasa, que custa R$65 o quilo. Estávamos em cinco e nosso pedaço custou R$148,20. Para comer junto com a carne, geleia de pimenta (R$4). Para beber, cerveja (R$9), refrigerante (R$4) e suco (R$5).





Costela desmanchando... Deliciosa! Sou suspeita, adoro costela. Os acompanhamentos também são ótimos, exceto o aipim frito (R$10) que é sem graça que até sobrou. Além do aipim, pedimos batatinha frita (R$10), salada mista (R$12) e salada caprese (R$17) feita com um pesto excelente. O palmito pupunha assado na brasa e regado com azeite de oliva (R$18) é demais, não deixem de pedir. Além dele, a maionese também precisa fazer parte do almoço de vocês. É aparentemente simples, mas tem um sabor muito bom! Um segredinho que me parecem utilizar no preparo da maionese é o pó de alho.





Eu não sou a maior fã de churrasco, apenas gosto. Porém, meu desejo é constante pelas comidinhas do Ponta d'Agulha. Um restaurante que vale a pena ir, sem pressa, sem preconceito e com muita fome!

Com mais três picolés Diletto (R$9), nosso almoço custou R$307,12.


Ambiente: ♥♥♥♥
Atendimento: ♥♥♥♥♥
Preço: $$$$
Sabor: ♥♥♥♥♥


Costelaria Ponta d'Agulha
Endereço: SC 401, 7626 (km 8) - Santo Antônio de Lisboa. Florianópolis/SC.
Telefone: (48) 3338-2850
Horário de funcionamento: Quarta a sexta, das 11h30 às 15h e das 16h30 às 22h30. Aos sábados e domingos das 11h30 às 16h.
Aceita cartão: Sim
Estacionamento: Sim

13 comentários:

  1. Me parece que se a Costelaria tivesse o triplo do espaço ainda assim continuaria lotada e com filas... heheh
    Parabéns pelo post!

    Abraços,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, Maria. O único probleminha seria estacionamento hahah.
      Obrigada!

      Excluir
  2. Como assim, esse é o melhor aipim frito da vida toda!! não consigo entender

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa... rs. Gosto é gosto. Achei com gosto de nada.

      Excluir
  3. Hummmmm, parece bom!! :)
    Não é um dos restaurantes mais baratos, mas parece valer a pena! É tipo um Ataliba da vida: não é barato, mas vale a pena!!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Ja estive la duas vezes e gostei nas duas, come-se bem , bom atendimento e paga-se por tudo isso, vale a pena!!!

    Beijinhos......

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Eu acho muito melhor a Churrascaria Restaurante Meat Shop. Carnes certificadas hereford, un local de requinta e qualidade, estacionamento espacoso pela mesma grana que punta dagula.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      http://www.saboreandofloripa.com/2014/09/meat-shop-grill-florianopolis.html

      Excluir